Quais as principais mídias pagas?

por | nov 14, 2022 | Blog | 0 Comentários

Se você trabalha com marketing digital com certeza deve conhecer as famosas mídias pagas, certo? Esse é um recurso que consiste em investir um certo valor financeiro para promover um anúncio com o intuito de vender seus produtos, gerar reconhecimento para a sua marca, entre outros. 

Sabe quando vemos uma propaganda na televisão ou escutamos um anúncio da rádio sobre uma nova pizzaria que trabalha com caixa de pizza personalizada com a sua cara? Isso era uma mídia paga, já que a empresa pagava um certo dinheiro para ganhar prioridade nesses veículos de comunicação, agora com a internet, esse sistema continua porém em outros formatos. 

Desta forma, a mídia paga nada mais é do que a realização de uma propaganda ou anúncio sobre uma empresa, seja seus produtos, serviços ou a marca em si, visando aumentar o público e alcançar um leque maior de potenciais clientes. 

Mas é claro que a internet é um mundo vasto e possui diversos tipos diferentes de mídias pagas, então no texto de hoje, nós iremos mostrar para vocês quais são as principais mídias pagas para você aplicar na sua estratégia de marketing digital, bora conferir? Então vamos lá!

Links patrocinados

Abrimos nossa lista com os famosos links patrocinados, essa é uma mídia paga encontrada dentro das plataformas de busca, principalmente o Google, sabe quando você pesquisa algum termo ou conceito como por exemplo “Equipamentos de combate a incêndio”. 

Os primeiros links que aparecem com a palavra “anúncio” ao lado, nada mais são do que os links patrocinados, ou seja, a empresa pagou uma certa quantia para ganhar prioridade nas pesquisas de acordo com palavras-chave pré determinadas relacionadas é claro, ao link que ela quer divulgar. 

Todos nós sabemos que chegar ao topo do Google de forma orgânica não é uma tarefa simples, o SEO precisa estar extremamente afiado e ser bem funcional para que você alcance as primeiras posições, sendo assim, o link patrocinado ajuda a dar um “empurrãozinho” e faz com que você alcance a tão cobiçada primeira página, aparecendo para um número muito maior de pessoas. 

De acordo com pesquisas, 75% dos usuários não passam da primeira página, então é claro que estar dentro dela aumenta e muito, as chances do seu link ser escolhido.

Toda a campanha de link patrocinado é criado pelo Google Ads ou outra plataforma de anúncio dos mecanismos de busca, você direciona o seu público-alvo e tem sua segmentação principalmente nas escolhas das palavras-chave, um ótimo benefício é o seu pagamento, que costuma ser CPC (Custo por Clique), ou seja, você só paga, caso a pessoa realmente clique no link e não por aparição do mesmo. 

Social Ads

Saindo das plataformas de busca e indo direto para as redes sociais, e dentro deles, chegamos em talvez a forma mais popular de realizar anúncios, os chamados Social Ads. Esse tipo de mídia é definitivamente, o mais acessado na internet, no Brasil, 79,9% da população é usuário de alguma rede, enquanto 90% tem acesso a internet, ou seja, apenas 10% das pessoas que acessam a internet não utilizam nenhuma rede social. 

Toda essa popularidade, faz com que as mídias pagas deste segmento acabem sendo atrativas para você conseguir anunciar os seus produtos ou sua marca de forma geral, com um grande potencial de alcançar um novo público e com um dos melhores sistemas de segmentação disponíveis. 

Porém, vale ressaltar que os Social Ads variam de acordo com a rede que você vai anunciar, entre as principais, podemos destacar o Facebook, Instagram, Youtube, Twitter, Linkedin, TikTok e Pinterest.

Cada uma delas possui sua particularidade, porém o objetivo é o mesmo: criar um anúncio em formato, geralmente, de vídeo ou imagem e texto, que faça o usuário clicar em um determinado link e ser redirecionado para outra página. 

Você pode aproveitar todos os recursos da plataforma escolhida, como fazer um anúncio em stories ou no feed no Instagram ou fazer um vídeo curto ou longo no Youtube, em sua maioria, as campanhas do Social Ads podem atuar também com o CPC ou CPV (Custo por Visualização), cabe a você entender o que é melhor e mais rentável para o seu negócio. 

Então coloque seu produto em um bom Display de acrílico, capriche nas fotos e vídeos e utilize ao máximo os social ads ao seu favor para obter resultados surpreendentes. 

Remarketing

O remarketing é uma mídia paga para aquela pessoa que já teve algum tipo de contato com o seu negócio, sabe quando você entra em um site, fica “namorando” um determinado produto, e depois ele não para mais de aparecer na sua frente, parecendo até uma certa “perseguição”? Bom, essa é a premissa do remarketing. 

Essa é uma mídia paga que tem como objetivo, mostrar produtos, serviços e a sua própria marca para pessoas que já tiveram algum tipo de contato com a sua empresa, reforçando assim o seu negócio de forma até certo ponto enfática.

Ele pode ser feito através da Rede de Display do Google, que nada mais é do que um anúncio em formato de imagem ou vídeo em sites parceiros da plataforma, e também, pelo Facebook Ads, aparecendo tanto nesta plataforma quanto também no Instagram. 

Native Ads

Nem toda mídia paga precisa ser “agressiva” ou “invasiva”, às vezes elas podem ser mais sutis e nem parecerem tanto assim um anúncio, como é o caso do Native Ads, esse é um formato que tende a se camuflar dentro de um site, e fazer com que não pareça necessariamente um anúncio pago. 

Se você entrar em um site que fale sobre bombas, e no meio deste conteúdo tiver algo sobre uma Bomba centrífuga, seu funcionamento ou suas características, esse pode ser um anúncio nativo, ou seja, aquela mídia paga que acaba aparecendo de forma mais natural, como se fizesse parte do conteúdo geral do site. 

Você ainda está pagando para ganhar prioridade e reservar seu lugar para aparecer sua imagem, porém, tudo acontece de forma mais leve e menos direta, o que acaba sendo visto por muitos, como um ponto extremamente positivo. 

O que achou do texto de hoje? Qual dessas mídias pagas mais chamou a sua atenção? Conte para a gente nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha gostado do conteúdo, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais. 

Written By Guilherme Rigamonte

Related Posts

Subscribe

Subscribe to Our Newsletter

Aliquet nisl. Nulla tempor mauris sed pretium egestas. Ut mi lacus, tincidunt ac quam quis, ultricies laoreet purus. Donec tincidunt scelerisque lacus, vel convallis augue interdum ac. Etiam eget tortor ac odio aliquam lobortis quis at augue.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *