O ser humano está em constante evolução. Desde o início das gerações, as mudanças sempre estiveram presentes. Um marco que começaria a se transformar de forma gradual e muito incisiva deu início no final do século XIX: a revolução tecnológica. De lá para cá, muitos avanços que influenciam diretamente a vida de cada uma das pessoas.

Nos dias de hoje, o principal assunto do segmento é a inteligência artificial. Os desenvolvedores têm feito de tudo para fazer com que a tecnologia se torne uma ferramenta de muito auxílio para diversas atividades. E ela pode ser usada sobre como influenciar os clientes a comprarem cada vez mais. Sabe como isso é possível? Abaixo tem a explicação!

Geração Z e e-commerce

Como foi citado no início, as pessoas mudam conforme o passar do tempo. Isso também tem a ver com os hábitos de consumo. Atualmente, o e-commerce é o grande sucesso de muitos lojistas. Tudo impulsionado depois que a pandemia afetou o mundo inteiro.

Paralelo a isso, a geração Z passa a estar presente e assumir a linha de frente quando o assunto é tecnologia. Pesquisas já apontaram que esse grupo tem um relacionamento melhor com recomendadores artificiais do que com o próprio ser humano.

Juntando esses dois pontos, geração Z e e-commerce, há a aplicação da inteligência artificial, que consegue otimizar a experiência dos usuários. Isso acontece, por exemplo, graças ao modelo eficiente de buscas e à modernização da navegabilidade. Uma somatória de atividades que têm um único objetivo: garantir a melhor experiência possível para o cliente, fazendo com que ele volte a utilizar esse sistema.

Então, muitas vezes, esses consumidores preferem comprar produtos no comércio eletrônico do que presencialmente. E vai além. As dúvidas e a resolução de problemas também são feitas de forma online com a automatização do sistema e, em alguns casos, com auxílio de chatbots.

Empresas se adaptam à atual forma de consumo

A partir dessa percepção, além do entendimento sobre o avanço tecnológico, os comerciantes se reinventam. Agora, o lojista consegue e tem, na verdade, a necessidade de difundir seu comércio na internet para o planeta inteiro.

Um exemplo disso são os leilões, que antes só eram realizados de forma presencial. Graças aos sistemas de buscas criados com intermédio da inteligência artificial, como saber se um site de leilão é seguro para realizar o sonho de comprar um carro ou uma moto.