Mas é claro que, assim como todas as estratégias de marketing digital, para que ele seja de fato eficiente, é preciso mensurar seus resultados e entender como o seu desempenho está sendo desenvolvido, e isso pode ser visto justamente através dos famosos KPIs, também conhecidos como indicadores de desempenho chaves. 

Assim como na realização de Serviços de Caldeiraria, é necessário entender se ele está tendo um bom desempenho ou não, e se o caminho que está sendo traçado é positivo ou necessita de algumas mudanças. 

Eles nada mais são do que métricas que apontam os resultados de uma determinada ação, e indicam se ela está sendo positiva e realmente eficiente, no e-mail marketing, os KPIs auxiliam a traduzir todos os resultados desta ação, produzindo dados e informações que apontam se ela está ou não sendo rentável. 

Pensando nisso, no texto de hoje separamos os 5 melhores KPIs de e-mail marketing para você conseguir avaliar melhor a sua estratégia, bora conferir quais trazem o melhor resultado para você? Então vamos lá!

1 – Taxa de abertura do e-mail

É claro que enviar uma boa quantidade de e-mails é uma premissa para o e-mail marketing, mas de nada adianta enviar centenas de mensagens se os usuários não estão abrindo eles da forma como você imaginava, sendo assim, o primeiro KPI que deve ser observado é justamente a taxa de abertura do e-mail.

Ele vai te indicar exatamente, quantas pessoas que estão recebendo o e-mail de fato, estão abrindo o mesmo e visualizando a mensagem que você quer transmitir, essa é uma forma eficiente de saber se o que você está enviando está sendo atrativo para o assinante, e fazer algumas correções seja no seu título, sua chamada ou no conteúdo em si. 

Fique de olho também nas taxas de aberturas em dispositivos móveis, muitas vezes é possível que você tenha uma recepção melhor ou pior pelos celulares e outros aparelhos, então saiba separar o desktop dos aparelhos remotos, isso vai indicar qual tela o desempenho do seu conteúdo se sai melhor. 

2 – Taxa de cliques

Também conhecida como CTR, a taxa de cliques indica quantas pessoas clicaram no conteúdo que está presente dentro do seu e-mail, ou seja, qual o número de usuários que, após abrir a mensagem se interessou pela sua oferta do seu motor para portão eletrônico ou quis saber mais sobre a sua empresa. 

Um link pode redirecionar direto para um produto do seu e-commerce, para uma landing page, blogposts entre outros, tudo é claro, depende do seu objetivo, verificar esse KPI ajuda a entender melhor a sua efetividade, o poder do seu CTA e sua atratividade para as pessoas. 

Lembre-se, a taxa de abertura de e-mails indica quantas pessoas clicaram no seu conteúdo, já a de cliques, quantos usuários clicaram no link que está dentro desta mensagem, é preciso saber diferenciar muito bem as duas coisas. 

Também vale a pena ficar de olho no KPI que indica a taxa de cliques em e-mails abertos, que indica o número de pessoas que visualizou o conteúdo e posteriormente, clicou no link inserido dentro dele. 

3 – E-mails marcados como spam, cancelamento de inscrição e encaminhados

Muitas pessoas acabam não gostando do conteúdo recebido, e marcam aquele tipo de mensagem como Spam, isso pode parecer algo bobo mas é extremamente prejudicial para a empresa, que começa a enviar mensagens marcadas de maneira negativa, então é sempre importante ficar de olho e manter uma taxa baixa neste quesito. 

Também vale ressaltar o KPI sobre cancelamento de inscrição, uma pessoa que não quer mais receber seus conteúdos pode representar que, aquilo que você está fazendo não está sendo mais agradável e nem é visto como algo positivo, talvez seja hora de mudar sua abordagem e entrar em uma outra porta corta fogo, ao invés de seguir sempre a mesma ideologia. 

Esses dois que citamos acima, ajudam a entender se você precisa ou não, passar por mudanças urgentes em suas estratégias. 

Por fim, também vale ressaltar o KPI de e-mail encaminhado, que significa quantas pessoas estão enviando seu conteúdo e repassando para outras, isso pode ser algo positivo, sendo considerado como uma ação com espaço mais amplo de abordagem e representa que as pessoas gostam tanto que até compartilham com outros destinatários. 

4 – Taxa de conversão

Outro KPI positivo é a taxa de conversão, ela indica quantos leads clicaram em um link ou fizeram alguma ação desejada, sendo assim, realizaram uma conversão. Isso indica se o seu objetivo está sendo cumprido, e qual a eficiência dele perante ao seu planejamento. 

Uma boa taxa de conversão aponta para o caminho correto, enquanto uma ruim, pode exigir certas mudanças, fique de olho no assunto do e-mail, no CTA e no conteúdo em si, essa é a trinca chave que define os altos e baixos da taxa de conversão. 

5 – Taxa de rejeição

Por fim, no e-mail marketing a taxa de rejeição possui um significado um pouco diferente do que estamos acostumados, ela aponta o número de usuários que não estão recebendo uma determinada mensagem, ou seja, endereços que podem ser removidos da sua lista, seja por não existirem mais, por terem te marcado como spam, pela baixa taxa de abertura, e por aí vai. 

É como um Regulador de pressão de gás, que te traz um direcionamento daquilo que não pode ser aplicado e é considerado até prejudicial dentro da sua estratégia, não representando nada de positivo. 

A taxa de rejeição não deve passar de 2% e é sempre importante podar esses usuários que não estão interessados, não recebem ou não consomem os seus e-mails. 

O que achou do texto de hoje? Qual desses KPIs achou mais interessante? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha gostado, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais. 

Subestimado por muitos, aproveitado por tantos outros, o e-mail marketing é uma estratégia inegavelmente completa e muito utilizada dentro do marketing digital, ainda mais quando falamos sobre nutrição de leads e interação com o meio do funil de vendas, mesmo que você faça parte daquele grupo de pessoas que acredita ser um conceito já ultrapassado, não tem como não reconhecer o seu sucesso e o quanto ele pode alavancar as vendas de uma empresa. 

Mas é claro que, assim como todas as estratégias de marketing digital, para que ele seja de fato eficiente, é preciso mensurar seus resultados e entender como o seu desempenho está sendo desenvolvido, e isso pode ser visto justamente através dos famosos KPIs, também conhecidos como indicadores de desempenho chaves. 

Assim como na realização de Serviços de Caldeiraria, é necessário entender se ele está tendo um bom desempenho ou não, e se o caminho que está sendo traçado é positivo ou necessita de algumas mudanças. 

Eles nada mais são do que métricas que apontam os resultados de uma determinada ação, e indicam se ela está sendo positiva e realmente eficiente, no e-mail marketing, os KPIs auxiliam a traduzir todos os resultados desta ação, produzindo dados e informações que apontam se ela está ou não sendo rentável. 

Pensando nisso, no texto de hoje separamos os 5 melhores KPIs de e-mail marketing para você conseguir avaliar melhor a sua estratégia, bora conferir quais trazem o melhor resultado para você? Então vamos lá!

1 – Taxa de abertura do e-mail

É claro que enviar uma boa quantidade de e-mails é uma premissa para o e-mail marketing, mas de nada adianta enviar centenas de mensagens se os usuários não estão abrindo eles da forma como você imaginava, sendo assim, o primeiro KPI que deve ser observado é justamente a taxa de abertura do e-mail.

Ele vai te indicar exatamente, quantas pessoas que estão recebendo o e-mail de fato, estão abrindo o mesmo e visualizando a mensagem que você quer transmitir, essa é uma forma eficiente de saber se o que você está enviando está sendo atrativo para o assinante, e fazer algumas correções seja no seu título, sua chamada ou no conteúdo em si. 

Fique de olho também nas taxas de aberturas em dispositivos móveis, muitas vezes é possível que você tenha uma recepção melhor ou pior pelos celulares e outros aparelhos, então saiba separar o desktop dos aparelhos remotos, isso vai indicar qual tela o desempenho do seu conteúdo se sai melhor. 

2 – Taxa de cliques

Também conhecida como CTR, a taxa de cliques indica quantas pessoas clicaram no conteúdo que está presente dentro do seu e-mail, ou seja, qual o número de usuários que, após abrir a mensagem se interessou pela sua oferta do seu motor para portão eletrônico ou quis saber mais sobre a sua empresa. 

Um link pode redirecionar direto para um produto do seu e-commerce, para uma landing page, blogposts entre outros, tudo é claro, depende do seu objetivo, verificar esse KPI ajuda a entender melhor a sua efetividade, o poder do seu CTA e sua atratividade para as pessoas. 

Lembre-se, a taxa de abertura de e-mails indica quantas pessoas clicaram no seu conteúdo, já a de cliques, quantos usuários clicaram no link que está dentro desta mensagem, é preciso saber diferenciar muito bem as duas coisas. 

Também vale a pena ficar de olho no KPI que indica a taxa de cliques em e-mails abertos, que indica o número de pessoas que visualizou o conteúdo e posteriormente, clicou no link inserido dentro dele. 

3 – E-mails marcados como spam, cancelamento de inscrição e encaminhados

Muitas pessoas acabam não gostando do conteúdo recebido, e marcam aquele tipo de mensagem como Spam, isso pode parecer algo bobo mas é extremamente prejudicial para a empresa, que começa a enviar mensagens marcadas de maneira negativa, então é sempre importante ficar de olho e manter uma taxa baixa neste quesito. 

Também vale ressaltar o KPI sobre cancelamento de inscrição, uma pessoa que não quer mais receber seus conteúdos pode representar que, aquilo que você está fazendo não está sendo mais agradável e nem é visto como algo positivo, talvez seja hora de mudar sua abordagem e entrar em uma outra porta corta fogo, ao invés de seguir sempre a mesma ideologia. 

Esses dois que citamos acima, ajudam a entender se você precisa ou não, passar por mudanças urgentes em suas estratégias. 

Por fim, também vale ressaltar o KPI de e-mail encaminhado, que significa quantas pessoas estão enviando seu conteúdo e repassando para outras, isso pode ser algo positivo, sendo considerado como uma ação com espaço mais amplo de abordagem e representa que as pessoas gostam tanto que até compartilham com outros destinatários. 

4 – Taxa de conversão

Outro KPI positivo é a taxa de conversão, ela indica quantos leads clicaram em um link ou fizeram alguma ação desejada, sendo assim, realizaram uma conversão. Isso indica se o seu objetivo está sendo cumprido, e qual a eficiência dele perante ao seu planejamento. 

Uma boa taxa de conversão aponta para o caminho correto, enquanto uma ruim, pode exigir certas mudanças, fique de olho no assunto do e-mail, no CTA e no conteúdo em si, essa é a trinca chave que define os altos e baixos da taxa de conversão. 

5 – Taxa de rejeição

Por fim, no e-mail marketing a taxa de rejeição possui um significado um pouco diferente do que estamos acostumados, ela aponta o número de usuários que não estão recebendo uma determinada mensagem, ou seja, endereços que podem ser removidos da sua lista, seja por não existirem mais, por terem te marcado como spam, pela baixa taxa de abertura, e por aí vai. 

É como um Regulador de pressão de gás, que te traz um direcionamento daquilo que não pode ser aplicado e é considerado até prejudicial dentro da sua estratégia, não representando nada de positivo. 

A taxa de rejeição não deve passar de 2% e é sempre importante podar esses usuários que não estão interessados, não recebem ou não consomem os seus e-mails. 

O que achou do texto de hoje? Qual desses KPIs achou mais interessante? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha gostado, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.