O SaaS ou Software as Service, é uma das metodologias mais aplicadas na atualidade, para quem não conhece, esse é um conceito que tem como princípio disponibilizar softwares e soluções de tecnologia através da internet, atuando esses como um serviço, fazendo com que as empresas não precisem instalar, manter e atualizar hardwares e softwares, utilizando assim, o SaaS. 

Ele traz extrema praticidade para o cotidiano desses negócios, e acaba sendo algo popular nos dias de hoje, mas é claro que, para obter sucesso é preciso ter um bom monitoramento e ótimas estratégias de conversão, entre elas, as principais são as chamadas CAC e LTV.

Ambas são consideradas métricas importantes dentro do marketing digital, o CAC (Custo de Aquisição Por Cliente) é uma métrica que indica qual o valor gasto para determinar uma conversão, ou seja, qual o valor gasto para que uma pessoa feche um negócio de acordo com seu ticket médio.

Já o LTV (Lifetime Value), é o Valor do Tempo de Vida útil de um cliente, em suma, ele representa o quanto o consumidor gasta no período que ele está vinculado com o seu negócio, se tratando de SaaS, que é baseado em um serviço, assim como a realização de uma do Projeto de instalações elétricas, você já deve imaginar o quanto essa é uma métrica importante, certo?

Sendo assim, a junção de ambas as métricas são consideradas como o carro-chefe de qualquer empresa SaaS, já que elas apontam a satisfação dos clientes, os gastos e a segmentação com eles, e como está sendo a sua lucratividade com determinado público, o que é muito valioso para quem atua nesta área. 

Pensando na relevância que ambos possuem, no texto de hoje, separamos 5 estratégias de conversão entre CAC e LTV em empresas SaaS que vão ajudar muito a melhorar seus resultados, bora conferir? Então vamos lá!

1 – Invista em SEO e melhore o seu blog

Definitivamente, uma das formas de melhor aproveitar o CAC e o LTV ao seu favor é através do inbound marketing e da criação de conteúdos principalmente em blogs, otimizar sua página, ajuda a atrair mais pessoas de forma orgânica, principalmente com a utilização do SEO, o que reduz consideravelmente, o seu CAC.

Além disso, a postagem constante de conteúdos, e a melhoria contínua do blog ajudam na potencialização com os leads, o que é claro, melhorar o seu LTV. Quanto mais você fala sobre seus serviços, e aborda o SaaS nas suas pautas, mais atrai novos usuários, melhorar sua conversão, e é claro, amplia todas as suas oportunidades. 

Sendo assim, escolha bem suas palavras-chave, produza conteúdos de alta qualidade, mantenha a cadência na produção do seu conteúdo, e explore muito bem o seu blog ao seu favor. 

2 – Faça vistoria e revise seus anúncios

É claro que o tráfego orgânico é fundamental, porém é impossível não comentar sobre as mídias pagas e os anúncios que auxiliam na conversão das SaaS, mas para diminuir o CAC e aumentar seu LTV, é preciso sempre investir nesta modalidade e é claro, fazer algumas manutenções com certa frequência. 

Procure realizar vistorias e seja flexível como em uma dobra de chapa, elimine palavras negativas no anúncio, negative nomes de bancos brasileiros, negative nomes de instituições governamentais e mantenha um CTR acima de 5% otimizando todos os anúncios que estiverem abaixo disso. 

Essa pode ser uma missão delicada mas extremamente eficiente para ampliar sua campanha e fazer com que mais pessoas conheçam sobre seus serviços e a sua empresa. 

3 – Qualifique melhor seus leads e trabalhe bem seu funil de vendas

Por mais que o SaaS esteja em alta, para muitos ainda é algo complicado e extremamente técnico na visão de muitas pessoas, sendo assim, para que ele tenha mais conversão é preciso atuar bem principalmente na qualificação dos seus leads, não adianta ter uma base enorme de contatos se o interesse deles em relação aos seu SaaS é relativamente baixa. 

Procure qualificar melhor os seus leads, nutrindo eles e vendo quais são aqueles que realmente podem apresentar bons resultados a longo prazo para o seu negócio, tente trabalhar o seu funil seja com conteúdos, informações ou temas que sejam úteis para ampliar o seu negócio. 

Lembre-se sempre de trabalhar bem os seus leads, produza envio constante de e-mails, fale sobre o seus serviços, disponibilize opções, e trabalhe visando principalmente aumentar o seu LTV durante todo o funil de vendas. 

4 – Aposte no CS e no Inside Sales

O Customer Success, Sucesso do Cliente ou CS, é uma metodologia conectada diretamente com o LTV que consiste como o próprio nome indica, em trazer sucesso para o consumidor, fazendo com que ele alcance o nível máximo de satisfação com a sua empresa, isso acontece quando você entende e supre a sua necessidade, como oferecendo a usinagem de peças ideal para o caso específico dele, ou no caso do SaaS, indicando o software perfeito para aquela situação. 

Um bom CS tende a aumentar a conversão e por consequência, o seu LTV, entregando valor e colocando o cliente acima de tudo. 

Já o Inside Sales, ou vendas internas, é uma estratégia que tende a baixar o CAC, já que oferece um produto e faz toda a negociação de forma remota, o que diminui consideravelmente os custos entregando a mesma qualidade por um valor muito mais acessível. 

5 – Trabalhe seu pós-vendas

Um erro comum é extremamente prejudicial nas empresas de SaaS é não trabalharem bem o seu pós-venda, é claro que o fechamento de um contrato é uma parte importante, porém, mesmo após o serviço estar em funcionamento, é necessário realizar o acompanhamento e cumprir as necessidades do seu público. 

Trabalhar no pós-venda representa manter o seu LTV alto e fazer com que os consumidores estejam cada vez mais próximos do seu negócio, mas é claro, você não precisa ficar fornecendo balas personalizadas, basta trabalhar bem a sua fidelização. 

Tenha um ótimo atendimento, consulte o índice de satisfação e trabalhe muito bem os seus serviços, tanto a sua manutenção quanto o seu funcionamento. 

O que achou do texto de hoje? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha gostado, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.